_ admin
27-04-20 338 Acessos

Centro Tecnológico das Indústrias do Têxtil e do Vestuário divulgou a lista das empresas que criam as máscaras que seguem normas da DGS.

O Centro Tecnológico das Indústrias do Têxtil e do Vestuário (Citeve) divulgou a lista das empresas que criam as máscaras comunitárias aprovadas segundo as normas da Direção-Geral de Saúde (DGS).

Na lista, surgem ainda as empresas que criam as máscaras clínicas nível I (destinadas a profissionais de saúde) e de nível II (para profissionais que não sendo da saúde estão expostos ao contacto com um elevado número de indivíduos).

As máscaras de nível 3 são para promover a proteção de grupo (com filtragem de partículas de 70%, ao passo que as máscaras para profissionais de saúde filtram 90% das partículas).

Quanto à proteção de grupo, há 15 empresas acreditadas, mas só nove fazem máscaras reutilizáveis. As empresas listadas até ao meio-dia de dia 24 de abril - a lista é atualizada todos os dias - são a Daily Day Studios, Lda., a Digit All, Lda., Location Available, Lda., CAIFAI - Malhas e Confecções, Lda. , Camorsil - Têxteis e Confecções, Lda., Confecção Carnel, Lda. , Confecções Manuela & Pereira, Lda., José Paulo Ferreira da Silva e Simão e Olgando, S.A..

Veja a lista completa aqui.

Em entrevista à Renascença, o diretor-geral da Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) disse que na próxima semana já poderá haver máscaras de proteção social em hiper e supermercados.   


In Sábado

  Enviar mensagem

Related ads

Posso lavar e reutilizar máscaras de proteção?

Usar ou não máscara ainda continua a ser um assunto polémico. Contudo, se opta por utilizar o objeto saiba como pode tirar o máximo partido do mesmo antes de o deitar fora. Máscaras que não sejam do modelo N95 e FFP3 podem ser sim reutilizadas e não… _

Report this ad